» Pra fechar Fevereiro

“20+20”

Por Zé Augusto de Aguiar

O tempo chega, implacável. Mas a gente enfrenta o dragão com as armas que temos. As minhas são as aulas dadas com o coração e ouvido (poucos sabem ou têm tempo para ouvir os alunos), o esporte que é mais que o alimento diário, a loucura por meu time, o rock que espanta as tormentas de ontem e hoje e as ondas. Por isso, no último dia 9 de fevereiro, 20+20 anos completados, o melhor presente que poderia ganhar seria o mar. Por isso fugi pra lá. Para esconder em cada onda, drop e passeio azul os fantasmas que se acumulam lá dentro. Esconder, não, mandar pro espaço. Por mais que a data seja triste quando não temos com quem compartilhar, mágicas são as ondas que nos transportam para outro mundo. O mundo de Benjamin Button e Peter Pan. O mundo em que a cada deslizar e manobra no infinito playground azul nos faz rejuvenescer, pelo menos na alma.
Depois de noites mal dormidas, praxe numa Sampa cheia de ruídos e vizinhos mal educados, entrei no mar na 2ª feira, após descer a serra, já cansado, cada remada pesando um pouco. Mas bastaram algumas ondas e a energia foi sendo recarregada em meu pico local querido. Assim foi a primeira bateria. No mesmo dia, estrada de novo até a cidade praiana onde dou aulas nas terças e para onde chego na véspera. Ali a surpresa: na cidade mais velha do Brasil, no pico mais paz e astral que conheço, ondas de sonho longas, lisas e de bom tamanho (santa frente fria). Logo o cansaço de dias e da primeira queda da manhã desapareceram e aproveitei com a fúria e alta voltagem de como se estivesse 100% após dias e dias de bom sono e tranquilidade. Foi o maior presente que podia receber e só tenho a agradecer ao bom barbudo, Netuno, pela sessão com gosto de bolo de aniversário ao lado dos amigos de fé e da mulher dos sonhos. Os sonhos que pelo menos o mar sempre entrega quando mais preciso. Os sonhos e a mágica porque numa idade em que muitos já estão desistindo ou partindo pro pranchão (outra arte, mas talvez sem a sensação de fúria alucinada de viver que a pranchinha propicia) ainda consigo remar fácil e acelerar em alta velocidade à bordo de meu foguete feminino chamado Rafinha, 6´2 de pura vida, minha égua de corrida puro sangue, minha companheira fiel. Sim, 20+20, mas feliz por seguir surfando enquanto ex-parceiros de ondas praticamente já desistiram e têm o surfe apenas como uma atividade ocasional.
Como podem ir deixando o surfe?
Como podem ir deixando de viver?
Obrigado, ondas sempre da vida, por resgatarem o sorriso de um coração adormecido.
Obrigado por me manterem acreditando que é possível, sim, parar o tempo, a cada onda que pegamos, em segundos que parecem horas, nesses momentos em que derrotamos o senhor do curso da vida com a ajuda da grande arma chamada oceano.
Ao mar.
À vida.
Ao surfe, 4 ever.
Forever young.

________________________________________________Surf4ever

Anúncios

9 Responses to “» Pra fechar Fevereiro”


  1. 1 Surf4ever fev 27 2009 às 12:36 am

    Obs: o texto foi reproduzido aqui no blog com a autorização do autor.

    ———————
    – Posts relacionados:
    » Recado do Zé
    » Coração de Surfista
    » AS ONDAS DA VIDA

  2. 2 rodrigo terror fev 27 2009 às 2:19 am

    Nesse carnaval tive o prazer de reencontrar muitos colegas antigos, da época que pegávamos onibus as 5 da matina para ir a praia surfar no inverno de abrigo e camiseta comprida pra enganar o frio…nossas wetsuits dos anos 80…

    Tbem pude constatar a surpresa de muitos ao me encontrar com o mesmo espírito do surf de anos atrás.. com poucas direfenças é claro!!

    Um carnaval de poucas ondas, mas com a solidariedade de um colega pude surfar todos os dias as merrecas a bordo de uma 10.2 monoquilha (de madeira a quilha, me divertindo como um garoto de 10 anos, o que reflete a essencia do surf…

    agradeço ao Grande Arquiteto do Universo por ter me colocado na frente de uma prancha a 22 anos e nunca mais ter me tirado dos pés o prazer de dropar uma onda, seja grande ou seja uma merreca…

    abraços

  3. 3 Michel fev 27 2009 às 7:40 pm

    O que tem pra dizer pra mim que to começando a pegar onda agora?
    sou muleque!!! hahaha
    mas caio do que surfo mas to feliz de estar tentando…
    eu vejo filmes de surf, acesso blogs de surf todos os dias, leio livros de surf, só falta a prática!
    e acho que qd realmente surfar, deslizar numa onda pela primeira vez vou pirar maluco…

  4. 4 rodrigo terror fev 28 2009 às 1:41 am

    Michel, vais pirar mesmo, como meu colega de 36 anos que pirou hoje a tarde… como eu estava de folga e ele tinha comprado um long board fomos a Barra da Lagoa pra eu ensinar a ele algumas coisas…

    Depois da terceira onda ele ficou em pé e correu a onda até a beira do mar, olhou pra traz e soltou um sonoro berro agradecendo oportunidade que alguem lhe deu!!!! parecia uma criança com o primeiro brinquedo ganho…

    saimos e fomos jantar, com ele oferecendo o jantar ao “professor”.. tava feliz, o que me contagiou…

    amanha as nove ele me pega novamente em casa e la vamos nós pras olas….paixão a primeira onda!!!

    nunca é tarde pra começar.. e nunca é dia para parar!!!!

  5. 5 Surf4ever mar 02 2009 às 12:13 pm

    Atualização [02/03/09]: o vídeo “Forever Young – Saudação à Vida!” foi removido do YouTube devido a problema com direitos autorais.

    Michel, o Rodrigo já te respondeu.
    Valeu pelo drop vocês dois!
    Abração,

    Gustavo
    S4e

  6. 6 Daniel - Jack mar 02 2009 às 7:02 pm

    É isso ai Terror. Foram muito “massa” as aulas na Barra da Lagoa na sexta e no sabado. Daí no domingo te liguei pra irmos de novo; mas o mestre nao atendeu, dai o discípulo foi sozinho mesmo.
    O mar tava bem mexido devido ao maral que eu acho q era nordeste, mas mesmo assim peguei umas 8 ondinhas e vi que cada vez mais estou pegando o “timing”.

    Michel, realmente nunca é tarde pra começar. Eu tbm era como vc que via tudo sobre surf e cheguei a ganhar uma prancha em um sorteio num festival aqui de floripa. Na época vendi pois nao tinha coragem de encarar as ondas. Agora nao me desfaço mais de meu Long, e o negócio é investir em roupas pro inverno, pois o bixo vai pegar!!!!

    Abraços,

    Ps. O mestre, quando é que vamos marcar outra bateria????

    Daniel

  7. 7 Michel mar 02 2009 às 8:43 pm

    Valeu pelas respostas e pelo empurrão caras!
    comprei uma prancha usada mas não curti ela ainda…
    mandei arrumar e to esperando ficar pronta…
    depois vou me jogar pra praia todo mês no mínimo…
    sozinho, acompanhado, mas vou!
    to motivado tenho que aproveitar!

    Abraço

  8. 8 Laertes mar 03 2009 às 1:01 am

    E aí Gustavo tudo bem ?
    Pô muito legal os comentários do pessoal, esse é o verdadeiro espírito do surf.
    Um grande abraço ao Michel, ao Rodrigo e ao Daniel.
    Boas ondas à todos.
    Laertes.

  9. 9 Surf4ever mar 03 2009 às 11:33 am

    Valeu também Daniel, valeu Laertes!
    Abraços,

    Gustavo
    S4e


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




“Eu vou pegar uma onda todos os dias, mesmo que seja na minha mente.”

“I will catch a wave every day, even in my mind.” Shaun Tomson

Uso recomendado:

Pra lavar a alma!

contato@surf4ever.com.br

Fica a vontade em mandar e-mail, ou comentar em qualquer post do blog, mesmo que seja antigo!

Blog com:

  • 415,906 hits

No blog agora:

hit counter

Arquivos:

Parceria Sul-Americana:

Melhor em 1024 X 768 pixels

******************************